Armas On-Line

Seu Portal sobre Armas, Tiro e Colecionismo na WEB

Página Principal – O Autor

with 1.226 comments

dsc_110611

Armas On-Line – O seu Portal sobre Armas, Tiro e Colecionismo

O autor de Armas On-line, Carlos F P Neto, membro vitalício da NRA (National Rifle Association), é um estudioso de armas de fogo há mais de 50 anos, com ênfase nas peças de emprego militar. Executou trabalhos de consultoria voluntária em alguns museus, como o Museu Paulista (Ipiranga), o Museu Prudente de Moraes (Piracicaba) e o Museu da Convenção de Itú, dentre outros. É também co-fundador e mantenedor do site Atiradores e Colecionadores.  Neste trabalho, ele aborda o assunto Armas de Fogo no que se refere principalmente à sua história, colecionismo, preservação das peças, recuperação, tiro esportivo e avaliações técnicas. Os artigos mostram boa quantidade de informação, fotos e diagramas, mantendo o assunto acessível até para os não iniciados na matéria.

Este trabalho não incentiva o uso e manuseio inadequado e ilegal de armas e munições bem como não promove a comercialização de materiais relativos ao assunto. As informações ou instruções contidas nos artigos só devem ser levadas em conta por pessoas habilitadas e o autor não se responsabiliza por danos causados pela má interpretação destas informações. Lembramos que armas de fogo, munições e equipamentos de recarga são produtos controlados, sejam da alçada da Polícia Federal como do Exército, e que todos tem o dever de se manter rigorosamente dentro do que estabelece a lei.

Os artigos sofrem revisões periódicas e neste caso, estarão devidamente assinalados junto ao título dos artigos. Todo o conteúdo do site, textos e material fotográfico, não poderá ser utilizado em outro meio de divulgação, seja ele revistas, sites, blogs, jornais, etc., sem a devida autorização do autor, pois é protegido por direitos autorais. Os infratores serão punidos na forma da lei.

REGRAS IMPORTANTES DESSE SITE E COMENTÁRIOS:  ARMAS ON-LINE não comercializa e não intermedia negociações de armas, peças e acessórios. Se necessitar de peças ou de assistência técnica, entre em contato com o seu fornecedor ou fabricante. O espaço de comentários se destina à enviar elogios, críticas, correções, sugestões ou dúvidas sobre o assunto. Todos os comentários são avaliados; o uso desse canal para anúncios de compra e venda e troca de informações entre leitores, não será permitido. Não respondemos perguntas sobre procedimentos ilegais, como adaptações e transformações mecânicas em armas de fogo que permitam utilizar outros cartuchos, alterar seu funcionamento, aceitar dispositivos silenciadores, etc. Comentários que não se encaixam nessas regras são eliminados. 

AVALIAÇÕES E IDENTIFICAÇÕES: Os leitores interessados em fazer avaliações ou identificações de armas de coleção, antigas e de uso pessoal, devem antes de mais nada tomar conhecimento, em nosso menu, da Política de Avaliações e Identificações e concordar com suas regras. 

Obrigado por sua visita e aguardamos comentários, críticas e sugestões.

E-mail: armasonline@gmail.com

São Paulo, Maio de 2009

sfsdfsd

Banner_blogOnline_4

 

 


Written by Carlos F P Neto

03/08/2009 às 11:51

1.226 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Prezado José, por favor nos envie fotos para ver se podemos ajudá-lo. Abraços.

    Carlos F P Neto

    24/08/2016 at 16:12

  2. Olá amigo Carlos, tudo bem? Antes de mais nada gostaria de lhe parabenizar pelo seu blog, ele é sempre esclarecedor e didático.

    Uma dúvida que eu tenho é algo que acompanha a história de minha família, logo que eu nasci, isso em 1996, meu pai me deu um revolver .22 Taurus ”marca antiga” que pertencia a ele desde pequeno, pesquisei sobre, e o máximo que encontrei foi o desenho da tal marca, mas não encontro em lugar algum o ano em que ocorreu essa transição das logotipos, com isso, não posso estimar uma idade para a peça. Isso seria importante, pois eu adoraria continuar a tradição, e guardá-lo aos meus filhos, mas não sei a idade do 22. Você parece ser a pessoa ideal para sanar essa dúvida.
    Pode me ajudar nessa? heheh

    Desde já, Grato.

    José Agostinho da Rosa

    23/08/2016 at 21:20

  3. Marcos, saudações. Mande-nos fotos por email, detalhando as marcas: armasonline@gmail.com.

    Carlos F P Neto

    15/07/2016 at 9:16

  4. Senhores apareceu aqui uma carabina Spencer. Gostaria de saber se alguém tem alguma informação mais detalhada sobre ela. agradeço desde já!

    Marcos Kappke

    15/07/2016 at 2:22

  5. Valdeci, leia antes, por favor, a nossa Política de Avaliações e Identificações. Grande abraço.

    Carlos F P Neto

    13/07/2016 at 11:02

  6. Olá , amigos !
    Tenho um rifle , que recebi de herança e não sei que rifle é….
    Se puderem me ajudar a descobrir , ficarei muito agradecido . Ele é de ferrolho , um tiro , tem mais ou menos 1.23 de comprimento, a boca do cano tem 15 mm de espessura , por cima está escrito ( G.Laport 70 Brevete ).

    Valdeci

    12/07/2016 at 21:09

  7. Alberto, já respondido por e-mail. Obrigado.

    Carlos F P Neto

    24/06/2016 at 12:47

  8. Prezado Sr. Carlos. Tenho uma P08 que, de acordo com Luger`s Book do Aaron Davis, deve ser de 1917, mod Comercial. O que me intriga é que o ferrolho não para aberto após o ultimo disparo. Consultando e comparando com as demais que param, notei que a minha não tem aquela peça (hold-open latch) e sequer entalhe para a mesma no interior do frame. Poderia me esclarecer mais sobre o assunto?

    Alberto Haas

    23/06/2016 at 19:50

  9. Valdemir, por favor, leia antes a nossa política de avaliações. O email é armasonline@gmail.com. Obrigado pelo contato.

    Carlos F P Neto

    10/06/2016 at 9:09

  10. Boa noite amigos . Herdei de um irmão que faleceu 2 armas é preciso de ajuda para uma
    Avaliação .como posso enviar fotos ou entrar em contato ??? Desde ja agradeço

    Valdemir

    09/06/2016 at 23:35

  11. Meu caro Erick, muito interessante sua colocação, espero que o leitor Dr. Geraldo a leia também. Mas, sinceramente, eu ainda acho estranha essa denominação, pelo fato da aparência das travas da culatra se assemelharem à uma cruzeta. Não é muito o que me parece.

    Carlos F P Neto

    01/06/2016 at 16:19

  12. Prezado Carlos,

    Sobre o apelido “cruzeta” dado às Winchesters 1892, soube disso por meu amigo Dr. Antonio Amaury Corrêa de Araújo, autor de diversos livros sobre o cangaço, alguns inclusive em co-autoria com Vera Ferreira, neta de Lampião. No final dos anos 90, por intermédio do Dr. Amaury, conheci pessoalmente Dona Mocinha, irmã caçula de Lampião, que então vivia no bairro da Parada Inglesa, em São Paulo.

    Erick Tamberg

    01/06/2016 at 16:12

  13. Geraldo, realmente ainda não temos um trabalho sobre as Marlin, que apesar de ter sido uma concorrente das Winchesters, embora com menos sucesso, nem por isso deixou de ser uma arma importantíssima na sua época. Vamos pensar em um artigo para elas, em breve.

    Carlos F P Neto

    31/05/2016 at 14:41

  14. Carlos, acabei de dar uma pequena visualizada na página referente as carabinas e rifres, fique muito contente em vê quantas informações vcs tem a respeito, vou passar o endereço a meu colega e tenho certeza q ele vai ficar entusiasmado como eu fiquei. So senti falta de um modelo, as carabinas e rifres da marca Marlim, acredito que as conheça.

    abraços.

    Geraldo Luiz C de Souza - Delegacia Geral.

    31/05/2016 at 13:17

  15. Amigo Geraldo, uma satisfação nossa tê-lo como leitor, grande abraço.

    Carlos F P Neto

    31/05/2016 at 12:52

  16. Ok, mais uma vez obrigado. Sou amante do tema Cangaço, e na minha pequena coleção de livros do tema tenho 16 literaturas na qual faz parte o referido livro do Prof Federico, mais já faz um bom tempo q o lê, mais vou folialo de novo. E Tb vou verificar na sua página na net.
    Att.

    Geraldo Luiz

    31/05/2016 at 12:38

  17. Geraldo, há um livro muito interessante sobre o cangaço, Guerreiros do Sol, de Frederico Pernambucano de Mello, onde surge essa denominação de cruzeta dada às Winchesters do modelo 1892. No nosso artigo, no capítulo referente às 92, você verá uma foto da parte superior da culatra. Um abraço.

    Carlos F P Neto

    31/05/2016 at 11:23

  18. Bom dia!
    Caro amigo Carlos, se me permite trata-lo assim, Rapaz vc desvendou o mistério, coisa boa, tenho um colega policial que possui um Winchester 1892 e qd encontra-lo irei verificar esse detalhe. agradeço demais sua presteza e atenção. Se precisares de algo na PB pode me contactar.
    Abraços.

    Geraldo Luiz C de Souza - Delegacia Geral.

    31/05/2016 at 11:17

  19. Geraldo, vivendo e aprendendo. Segundo o especialista amigo, cruzeta era o apelido da Winchester 1892 devido à aparência que tinham as travas do ferrolho quando vistas de cima. Grande abraço.

    Carlos F P Neto

    31/05/2016 at 8:30

  20. Geraldo, vivendo e aprendendo. Segundo o especialista amigo, cruzeta era o apelido da Winchester 1892, devido à aparência de uma cruz que as travas do ferrolho possuem quando vistas de cima. Grande abraço.

    Carlos F P Neto

    31/05/2016 at 8:26

  21. Ótimo, fico lhe devendo esse favor.
    Att.

    Geraldo Luiz

    30/05/2016 at 12:06

  22. Geraldo, eu tenho um amigo que é especialista em assuntos nordestinos, vou pedir a ajuda dele.

    Carlos F P Neto

    30/05/2016 at 11:56

  23. Saudações Amigo Carlos.
    Lhe agradeço demais sua resposta.
    Realmente isso é uma coisa que me intriga, sou policial civil, filho de policial militar e tive um tio avô que andou por 15 anos nas hostes do cangaço e depois migrando para Briosa PMPB, até pouco tempo existia seu rifre e de seu irmão tb cangaceiros, no qual foi furtado da propriedade da família, um era Winchester e o outro um cruzeta, termo muito utilizado nos sertões paraibanos e do Pajeú. Mais ate esse momento não sei identifica-los.

    Forte abraço.
    APC Geraldo Luiz.

    Geraldo Luiz

    30/05/2016 at 11:53

  24. Amigo Geraldo, saudações. A alcunha de papo-amarelo que as Winchester receberam aqui no Brasil se refere, e isso só é verdade no modelo 1873, ao mecanismo elevador de cartuchos, que era feito de latão, e que ficava com sua base exposta na parte inferior da culatra, uma “analogia” ao nosso jacaré de “papo-amarelo”. No entanto, esse termo cruzeta a que se refere, eu sinceramente não sei do que se trata.

    Carlos F P Neto

    29/05/2016 at 16:03

  25. Boa noite, sou Geraldo Luiz, acompanho essa página e os admiro muito pelo profissionalismo e sabedoria. Tenho buscado resposta para uma pergunta, e gostaria de saber se vocês pode me orientar. Aqui no nordeste os usuários dos rifres .44 utilizam os modelos papo amarelo e cruzeta, minha pergunta quais são as diferenças ??
    Agradeço muito obrigado.

    Geraldo Luiz Cavalcanti de Souza

    26/05/2016 at 20:31

  26. Oswaldo, não procede, continuam produzindo normalmente.

    Carlos F P Neto

    26/05/2016 at 16:22


ATENÇÂO: Identificação e/ou avaliações de armas, leia primeiro a Política de Avaliações, no final do menu de Artigos. Peças, reparos ou assistência técnica, consulte o fabricante de sua arma; questões sobre esse assunto não serão respondidas.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.411 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: