Armas On-Line

Seu Portal sobre Armas, Tiro e Colecionismo na WEB

Página Principal – O Autor

with 1.288 comments

dsc_110611

Armas On-Line – O seu Portal sobre Armas, Tiro e Colecionismo

O autor de Armas On-line é membro vitalício da NRA (National Rifle Association), é um estudioso de armas de fogo há mais de 60 anos, com ênfase nas peças de emprego militar. Executou trabalhos de consultoria voluntária em alguns museus, como o Museu Paulista (Ipiranga), o Museu Prudente de Moraes (Piracicaba) e o Museu da Convenção de Itú, dentre outros. Foi também co-fundador e mantenedor do extinto site Atiradores e Colecionadores.  Neste trabalho, aborda-se o assunto Armas de Fogo no que se refere à sua história, colecionismo, preservação das peças, recuperação, tiro esportivo e avaliações técnicas. 

Não incentivamos o uso e manuseio inadequado e ilegal de armas e munições, bem como não comercializamos materiais relativos ao assunto. As informações ou instruções contidas nos artigos só devem ser levadas em conta por pessoas habilitadas e o autor não se responsabiliza por danos causados pela má interpretação destas informações. Lembramos que armas de fogo, munições e equipamentos de recarga são produtos controlados, sejam da alçada da Polícia Federal como do Exército, e que todos tem o dever de se manter rigorosamente dentro do que estabelece a lei.

As revisões periódicas nos artigos estarão devidamente assinaladas junto ao título dos mesmos. O conteúdo do site, textos e material fotográfico, não poderá ser utilizado em meios de divulgação, sejam eles revistas, sites, blogs, jornais, etc., sem a devida autorização do autor, pois é protegido por direitos autorais. Os infratores serão punidos na forma da lei.

REGRAS IMPORTANTES DESSE SITE E COMENTÁRIOS:  

1 – ARMAS ON-LINE não comercializa e não intermedia negociações de armas, peças e acessórios.

2 – Se necessitar de peças ou de assistência técnica, entre em contato com o seu fornecedor ou fabricante. 

3 – O espaço de comentários se destina à enviar elogios, críticas, correções, sugestões ou dúvidas sobre o assunto. Todos os comentários são avaliados; o uso desse canal para anúncios de compra e venda e troca de informações entre leitores, não será permitido. 

4 – Não respondemos perguntas sobre procedimentos ilegais, como adaptações e transformações mecânicas em armas de fogo que permitam utilizar outros cartuchos, alterar seu funcionamento, aceitar dispositivos silenciadores, etc. Comentários que não se encaixam nessas regras são eliminados. 

AVALIAÇÕES E IDENTIFICAÇÕES: Os leitores interessados em fazer avaliações ou identificações de armas de coleção, antigas e de uso pessoal, devem antes de mais nada tomar conhecimento, em nosso menu, da Política de Avaliações e Identificações e concordar com suas regras. 

Obrigado pela visita e aguardamos comentários, críticas e sugestões.

E-mail: armasonline@gmail.com

São Paulo, Maio de 2009

Utilize os botões abaixo para doar R$ 40,00, caso utilize os serviços de Identificação e Avaliação

 

 

 

Written by Carlos F P Neto

03/08/2009 às 11:51

1.288 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Marcelo, não, é impraticável. Mesmo que colocasse na arma um cano de 9mm idêntico ao original, que aliás não existe, a pistola teria que ser modificada no rebaixo dianteiro do ferrolho, usar outro carregador e o pior, ficaria sem travamento de culatra (blowback).

    Carlos F P Neto

    11/05/2020 at 19:15

  2. E possível transforma a modelos da PT-57-S para (765) para 9mm ? Caso positivo como seria?

    Marcelo Sampaio

    11/05/2020 at 18:33

  3. Ok. Não há problema, quando puder me ajudar eu ficarei muito feliz.
    Obrigado

    Gustavo Francisquette Leandro

    10/05/2020 at 10:34

  4. Gustavo, infelizmente não temos essas informações de imediato, demandaria tempo, o que está sendo um problema no momento.

    Carlos F P Neto

    09/05/2020 at 13:55

  5. Eduardo, nenhum problema quanto à isso. O uso de duralumínio nem é novidade; as Walther P38 e as PP e PPK pós guerra já usavam. A Beretta modelo 92 e todas as derivadas feitas pela Taurus também.

    Carlos F P Neto

    06/05/2020 at 18:11

  6. Muito grato, Coriolano, pelo apoio.

    Carlos F P Neto

    06/05/2020 at 17:54

  7. Boa tarde. Conheci agora seu site e blog e quero parabeniza-lo pela clareza e qualidade nos vários aspectos sobre armas, munições etc.
    Embora tenha meu CR a algum tempo, somente recentemente estou me dedicando à recarga, aprendendo várias lições que até então não dava muita atenção. Parabéns!

    Coriolano Silveira da Mota

    02/05/2020 at 18:32

  8. Olá Carlos, mais uma vez estou aqui pra te fazer novas perguntas técnicas, da outra vez foi sobre o sistema de trancamento do ferrolho da colt 1911, aliás minhas perguntas foram sobre como acontecia o sistema de “abaixamento “do cano no momento de destravar o ferrolho, e assim o ciclo se repetiria,.
    Enfim, agora existem algumas dúvidas mais técnicas e pertinentes sobre o sistema de recuperação de gás de quase todas as armas do mundo atual.
    Então vamos lá! Como seria calculado, determinado o diâmetro do orifício de saída dos gases, logo após o projétil passar pelo mesmo dentro do cano ” furinho menor “?
    Como é calculado o diâmetro e curso do êmbolo maior?
    E também como é determinado a distância do ” furinho menor”. Veja o que é considerado para isso: distância da boca do cano até o orifício? Ou distância da Câmara do cartucho até o orifício? Existe também relação com o comprimento total do cano? Calibre?.
    Se puder me ajudar ou indicar literaturas técnicas para o assunto eu ficaria muito grato. Sou estudante e sou apaixonado pela pessoa e inteligência de Jhon Moses Browning, e seus feitos de projetos e engenharia de armas.
    Abraços!
    Gustavo

    Gustavo Francisquette Leandro

    25/04/2020 at 15:47

  9. Pistolas cuja armação é de duralumínio são boas? Isso é vantagem ou desvantagem. A PT 917 por exemplo é boa arma?

    Eduardo Jorge Ganem

    23/04/2020 at 22:30

  10. Amigo, por favor leia antes a nossa política de avaliações. Obrigado.

    Carlos F P Neto

    12/04/2020 at 19:20

  11. Olá
    Boa noite
    Tenho uma espingarda cal.36 daquelas que foram transformada na fábrica de Itajubá.
    Naquela época pegaram os fuzis antigos de 1908 e transformaram em espingardas cal. 36 e 28.
    Por favor
    Podem informar o valor dessa espingarda?
    Está em perfeito estado.

    Davi Spalla

    10/04/2020 at 23:23

  12. Bom Dia !!!
    Muito obrigado pela resposta e por dividir seu vasto conhecimento com os outros.

    fattorre

    27/03/2020 at 6:59

  13. Amigo, sòmente o Rossi Princess possuía a sua armação feita de Zamak; todos os demais revólveres da Rossi eram carcaças em aço.

    Carlos F P Neto

    26/03/2020 at 19:25

  14. Boa Noite !!!
    Todos os revolveres Rossi 22 tinham Zamac ou teve alguns fabricados em aço e sem Zamac?

    fattorre

    19/03/2020 at 19:01

  15. Valdenir, envie suas fotos para nosso e-mail: armasonline@gmail.com. Abraços.

    Carlos F P Neto

    28/02/2020 at 16:00

  16. Bom dia Tenho uma espingarda Schueler cal.36 queria mandar as fotos se tiver interesse meu imail.valgil67@hotmail.com grato pela atenção

    valdenir aparecido gil

    26/02/2020 at 12:21

  17. Roberto, há vários fornecedores de peças para ela nos USA,a Homestead Parts é uma delas. Enviam para o Brasil.

    Carlos F P Neto

    09/02/2020 at 14:17

  18. Muito grato, Bruno, compartilho de sua idéia. Grande abraço.

    Carlos F P Neto

    09/02/2020 at 14:16

  19. Prezado carlos,
    Achei muito bacana sua matéria sobre munições, esta matéria da uma base muito boa aos novos atiradores.
    gostaria de usar esse conhecimento para os novos Atiradores desportivos que estão ingressando agora no mundo das armas. indicando o seu blog e sua materia sobre calibres. Na minha opnião esse conhecimento deve ser compartilhado com todos amantes do tiro….

    Bruno Bernardo

    29/01/2020 at 20:55

  20. Bom dia!
    Tenho uma carabina winchester 44 muito antiga que perdeu a alça de mira.
    Poderá indicar onde posso encontrar?
    Obrigado.

    Roberto Mendonça

    27/01/2020 at 11:00

  21. Que saudade da época em que para se comprar uma arma bastava ir a uma delegacia e apresentar o RG! O que achas, teremos nosso direito de volta?

    Uma Glock por exemplo ( https://falcaobelico.com/categoria-produto/pistola/glock/ ) continua sendo um grande sonho a ser realizado, uma pena os impostos não ajudarem, não é mesmo!?

    Nilson Amaro

    11/11/2019 at 19:17

  22. Prezado André, muitíssimo grato pelos seus comentários e elogios. Grande abraço.

    Carlos F P Neto

    23/10/2019 at 11:04

  23. Excelente artigo.
    Quem trabalha com armas de fogo e atende o público interessado na compra de armas de fogo sabe muito bem sobre isso.

    Que nosso país possa encarar as armas de fogo sob nova ótica!

    André

    17/10/2019 at 1:04

  24. Ricardo, saudações. Infelizmente a coisa não é assim tão simples. Não é o fato de estar emperrada que a arma será considerada obsoleta. Para a nossa ridicula lei contida no Estatuto do Desarmamento, uma arma como essa poderá facilmente ser aceita como ativa, mesmo estando teoricamente sem funcionar. Mesmo armas que foram intencionalmente alteradas para não funcionarem mais, ou torná-las desativadas, com a eliminação de alguma peça interna ou coisa similar, deverá ter seu cadastro e devidamente aceita por peritagem na peça ,como sendo desativada.

    Carlos F P Neto

    08/09/2019 at 20:50

  25. Boa noite caro Carlos! Tenho uma colt 1911a1 que restou do meu avô, nao tem registro nem nada. Ela está emperrada, portanto n atira. sendo assim, considerada uma arma obsoleta? não tendo problema em coleciona-la e nem precisando de permissão para isso, correto? Só quero mante-la pelo valor sentimental e histórico, sem problemas…

    Ricardo

    07/09/2019 at 5:09

  26. Ederson, o M coroado não tem nada a ver com fabricante; eram uma das marcas de prova utilizadas pela DWM na época para designar as pistolas de aceitação da Marinha, utilizadas entre 1904 e 1908 e posteriormente em 1914.

    Carlos F P Neto

    29/08/2019 at 18:25

  27. Bom dia me chamo Ederson sou da cidade de Itu tenho um amigo colecionador de armas que possui um luguer ano 1906 com o cano 1905 seu artigo e muito bom tirou várias dúvidas exceto uma no corpo da arma tem as seguintes marcações uma 👑 MM (uma coroa e dois M seguidos ) eu com minhas pesquisas acredito que seja a coroa o brasão da companhia em que serviu o primeiro M o dia referente a 13 e o segundo M o ano referente a 1993 essas informações estão corretas ? E saberia qual companhia representa a coroa? Desde já muito obrigado muito bom artigo a nível de pesquisas avançada !

    Ederson

    01/08/2019 at 10:13

  28. Amigo João Pedro, por gentileza, leia a nossa Política de Avaliações e Identificações. Obrigado.

    Carlos F P Neto

    12/07/2019 at 21:07

  29. Prezado Clécio, não há dano algum em se utilizar munição .38SPL em revólveres .357 Magnum. O contrário não é possível devido ao recesso interno das câmaras, que limitará a introdução completa dos cartuchos devido ao comprimento de cerca de 3mm a mais no .357. Além disso, o uso de munição 38SPL+P ou até +P+ poderá ser usada sem problema algum.

    Carlos F P Neto

    12/07/2019 at 21:04

  30. Prezado Carlos boa noite.

    Recorre ao seu conhecimento com uma dúvida sobre a utilização de munição 38 SPL em câmaras de tambores de revolveres 357 Magnum.

    Agora que estou adquirindo uma arma em 357 Magnum despertei para essa dúvida já que, como tenho muitos estojos em 38 SPL, nada mais natural que aproveita-los também na nova arma.

    A questão é, há realmente a possibilidade de algum tipo de dano interno nas câmaras devido a utilização, ao longo do tempo, dos estojos mais curtos do 38 SPL, que possa prejudicar a operacionalidade da arma quando utilizando os estojos 357 Magnum?

    Certo de poder contar com seu inestimável conhecimento agradeço.

    Att.

    Clécio M. Galinari

    Clécio M. Galinari

    25/06/2019 at 20:07

  31. Olá tenho uma espingarda 2 cano, e ela não contem data mas contem vários números tipo “aleatórios” diz ser da marca vulcan mas eu não tenho certeza, pós tem uma escrita que diz “Garcia Gomar bélgica liege” mas alem disso tem um símbolo oval e dentro contem as seguintes siglas E. L. G, também tem um leão sobre as letras P.V, Carlos você poderia me ajudar ? E-MAIL: joaopedrobucci0@gmail.com

    joao pedro

    15/06/2019 at 15:52

  32. Olá prezado prof. Luiz, saudações. As armas em questão são as metralhadoras Hotchkiss modelo 1922, adquiridas pela Força Pública de SP naquele mesmo ano. O modelo 1922 tinha a particularidade de poder ser fornecido nas opções de carregador “clip” horizontal e na opção de tipo “caixa” com montagem superior, bem ao estilo das Madsen e Bren. Pessoalmente acredito ter a FP optado pela versão de clip para manter uma certa compatibilidade com os modelos 1914, que já eram utilizados aqui. Os clipes, inclusive, eram compatíveis. As duas versões de carregadores não eram permitidos na mesma arma, então o pedido de compra tinha que especificar qual a opção ia se usar. Infelizmente a decisão foi infeliz, de certa forma, porque os carregadores tipo caixa eram muito mais confiáveis. Grande abraço.

    Carlos F P Neto

    05/03/2019 at 21:37

  33. Boa noite, meus caros. Estou levantando o nome e modelo das armas das revoluções brasileiras e deparei-me com uma fotografia de um grupamento que montou guarda com 3 (ao que parece) fuzis metralhadores, na frente do palácio Campos Elísios, durante a revolução de 1924. Pelo fardamento vê-se que são da então Força Pública, mas o armamento; não consegui identificar. O pente lembra o modo das Hotchkiss, mas o corpo, a Madsen. Porém, das fotografias que consegui, esse modelo só aparece nessa foto. Como são três duplas de militares (municiador e atirador), descartei a hipótese de ser uma daquelas armas perdidas que vez por outra surgem nos arsenais. Enfim, será que os senhores têm alguma ideia qual o modelo de fabricante dela? O link no qual podem vê-la é este aqui: https://br.pinterest.com/pin/223491200244812343/

  34. Marcos, pode reenviar o e-mail, por favor. Obrigado.

    Carlos F P Neto

    24/01/2019 at 12:46

  35. Carlos, bom dia.
    Você tem recebido as minhas mensagens pelo e-mail?
    Irei mandar mais um aqui e gostaria que respondesse acusando recebimento.
    Obrigado. Abraço.

    Marcos Valente

    24/01/2019 at 8:19

  36. Prezado Marcos, saudações; sim, pode nos enviar o material fotográfico por e-mail: armasonline@gmail.com. Abraços.

    Carlos F P Neto

    20/12/2018 at 15:52

  37. Boa Tarde. Gostaria de saber sobre a avaliação de armas antigas. Já li toda a política, cheguei a enviar um e-mail a duas semanas mas não tive retorno. Tenho uma S&W de 1889 na Cx em perfeito estado de conservação. Ela foi do meu bisavô. Gostaria de fazer essa avaliação, como devo proceder? Tem algum outro e-mail de contato?
    Att,
    Marcos Valente.

    Marcos Valente

    18/12/2018 at 15:10

  38. Giuliano, trata-se de uma marca fantasia de uns dos inúmeros fabricantes de armas do País Basco, na localidade de Eibar, Espanha, começo do século XX.

    Carlos F P Neto

    18/10/2018 at 22:22


ATENÇÂO: Identificação e/ou avaliações de armas, leia primeiro a Política de Avaliações, no final do menu de Artigos. Peças, reparos ou assistência técnica, consulte o fabricante de sua arma; questões sobre esse assunto não serão respondidas.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: